Acesse nossas redes

Sucessão em Assu

Possibilidade de aliado do prefeito de Assu indicar vice na chapa do ex-prefeito Ivan Júnior deixa oposição confortável na corrida sucessória

Pastor Alfredo Luís, também uma das lideranças do PL em Assu, vem sendo assediado pela oposição após ser preterido nas articulações da ala de situação

gazetaadm

Publicado

em

Fotos: Reprodução

Por Gilberto de Sousa

Assediado pelo grupo do ex-prefeito de Assu Ivan Júnior(PSD), o líder evangélico pastor Alfredo Luís de Melo, caminha para indicar o candidato a vice-prefeito na chapa da oposição.

Membro da executiva estadual do PL, partido do atual prefeito Gustavo Soares, o pastor Alfredo, sempre integrado as ações do grupo da situação, nunca escondeu o desejo de indicar o candidato na composição da chapa situacionista. No entanto, na largada das articulações nesse sentido, parecia não ser ouvido nos encontros para acentuar as discussões.

Enquanto isso, percebendo o potencial de liderança e articulação do pastor, o ex-prefeito Ivan Júnior, que tenta nestas eleições retornar ao poder, começou a se aproximar, dentro da temporada de conversas entre lideranças em preparação ao processo eleitoral e estreitou laços que provavelmente resultem em uma aliança.

Pastor Alfredo, que é dirigente da Assembleia de Deus em Assu e também membro da comissão política de ministros evangélicos do Nordeste da Assembleia de Deus teria recebido sinalização para indicar o nome para compor com Ivan, o que pode se concretizar. É que no final do mês passado, o atual prefeito de Assu, Gustavo Soares, definiu que não mais será candidato à reeleição.

Ao confessar a uma fonte que pode sim indicar o vice de Ivan, o pastor Alfredo afirmou que esperou até o último momento por uma definição da situação. Agora que o prefeito desistiu de ser candidato e que esse bloco está buscando se recompor, é provável que o líder evangélico resolva apoiar o ex-prefeito Ivan, que inclusive recentemente se tornou membro da Assembleia de Deus.

Empresário Pedro Cavalcante com Pastor Alfredo Luís
Eliéze Melo também é nome cotado para compor com a oposição

Na cidade, os comentários são de que dois nomes estariam sendo cogitados como pré-candidatos a vice-prefeito na chapa de oposição através do aval de pastor Alfredo: O empresário e desportista Pedro Cavalcante e o militar Eliéze Melo, filho de Alfredo Luís. Pedro Cavalcante é filiado ao PP e recentemente se desligou de atividades incompatíveis com a possibilidade de ser candidato de acordo com a legislação eleitoral. Já Eliéze Melo, não está filiado em nenhuma sigla, mas a sua condição de militar lhe a assegura a ingressar em qualquer agremiação partidária independentemente de prazos estipulado pela legislação eleitoral.

Prefeito de Assu, Gustavo Soares decide seguir carreira médica Foto: Tribuna do Cabugi

Prefeito de Assu desiste de disputar a reeleição para seguir carreira profissional

No final do junho, o prefeito de Assu, Gustavo Soares, reuniu um grupo de aliados e apoiadores e comunicou que não seria mais candidato à reeleição. Médico, ele justificou que nunca se desligou da sua profissão e que não estava conseguindo conciliar com a política.
Explicou, no entanto que sua decisão deixou disponível ao grupo político a oportunidade de ter um nome do grupo para compor a vaga de prefeito. “Acredito que, por não ser político e não querer trilhar por essa profissão, cumpri minha missão. Agora, seguir com minha profissão de médico ortopedista”.
Ele frisou ainda sua condição de administrador e não de político profissional. “Cumpri com todas as minhas obrigações legais como prefeito. Só não tive tempo de fazer política”.
Líder do grupo político, seu irmão, o deputado estadual George Soares, agora volta a se articular para reorganizar a ala e definir os nomes que irão enfrentar o ex-prefeito Ivan Júnior.

Publicidade
Publicidade

Copyright © 2019 Gazeta do Oeste