Acesse nossas redes

Colunas

O pastor e a fada do dente

Existe uma brincadeira – ou existia, não sei mais – que uma criança ao arrancar um dente de leite…

gazetaadm

Publicado

em

Existe uma brincadeira – ou existia, não sei mais – que uma criança ao arrancar um dente de leite era estimulada a jogar no telhado e recitar uma poesia para que no lugar do dente faltoso, nascesse um dentinho novo e bonito. Quando eu criança isso era comum, uma espécie de crendice boba mas que o legal era se desfazer do que era passado e esperar pelo futuro.

Não lembro de minha mãe ter mencionado a fada do dente. Essa é a famosa lenda que embala o sonho de uma criança que espera uma moeda como recompensa por colocar o dente de leite retirado embaixo do travesseiro.

Crendices e lendas a parte, o assunto em questão a partir de agora é para gente grande: a Câmara dos deputados ressarciu o deputado e pastor evangélico Marco Feliciano em 157 mil reais, valor este que vai cobrir despesas com tratamento odontológico. Feliciano disse em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo “que sofria de bruxismo (hábito de ranger os dentes durante o sono, o que traz consequências à saúde), condição que ´não deseja para ninguém´ e que enquanto político e pregador (ele é líder religioso da Catedral do Avivamento), utiliza a boca como ´ferramenta´”.

Em 2014, segundo números repassados pelo Conselho Federal de Odontologia, “20% dos brasileiros não vão ao dentista por falta de dinheiro; 46% das pessoas consideram difícil o acesso a dentistas; “1/3 não conclui tratamento público por problemas de agendamento de consulta e 68% não sabem sequer que têm direito ao atendimento público de saúde bucal”. Esses números são altamente graves em um país que é superavitário em dentistas. O Brasil, dados de 2010, é o país com mais dentistas no mundo. Estamos “exportando” para Portugal.

Mesmo diante de dados desatualizados, creio que a realidade não mudou muito. Estamos falando por baixo de 20 milhões de pessoas da população, aqui no Brasil, que possivelmente não tenham tido acesso ao tratamento com um cirurgião dentista. É ou não grave?

Diante de tudo exposto, o que acreditamos é que o pastor Marco Feliciano encontrou na Câmara dos Deputados uma generosa fada do dente. Mas ao invés de uma moedinha, Feliciano encontrou embaixo de seu travesseiro uma pequena fortuna. O reflexo de sua felicidade? Um sorriso colgate! Já o contribuinte não deve achar isso nada engraçado.

KAVEL

Concessionária Yamaha em Mossoró, especializada em motocicletas, a Kavel em breve mudará de nome: será batizada de WR Motos. Também deverá mudar de endereço: vai sair da Avenida Cunha da Mota e será instalada na rua Cel. Gurgel, no prédio que abrigou o comitê eleitoral da hoje governadora Fátima Bezerra.

TINTAS

Outra empresa que passará por modificações será a Cruzcollor, fabricante de tintas com sede no Distrito Industrial aqui da cidade. Também deverá mudar de razão social e nome de fantasia. Aguardemos.

POESIA

Decifração

Inimaginável,
Sobre o papel,
A palavra
É sempre
O labirinto
De segredos.
Em suas vértebras e imagens
Há de existir um lugar
Onde se revelarão
Os mistérios plantados
Em nossas manhãs

Mário Gerson – A noite de Luas Brancas (Ed. Queima Bucha) – 2011

Continue Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2019 Gazeta do Oeste