Acesse nossas redes

Mossoró

“Nesse estado atual, não há possibilidade de realização”, anuncia Rosalba sobre MCJ

gazetaadm

Publicado

em

A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) anunciou que o Município trabalha com a perspectiva de adiar ou cancelar o Mossoró Cidade Junina de 2020 em função do agravamento da crise de saúde provocada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Conforme a chefe do Executivo postou em suas redes sociais, no estado atual da pandemia, não há qualquer possibilidade de realização do evento festivo.

“Já comuniquei anteriormente, em entrevista coletiva e ontem numa live que fiz, que trabalhamos com duas perspectivas principais: cancelamento ou adiamento. Nesse estado atual, não há possibilidade de realização”, comentou Rosalba Ciarlini, lembrando que durante a coletiva que promoveu para falar sobre o primeiro decreto com medidas de contenção ao novo coronavírus já havia mencionado a possibilidade da não realização do Cidade Junina.

O anúncio da prefeita leva em consideração as previsões das principais autoridades de saúde do país. O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou, por exemplo, que os casos do Covid-19 só devem começar a desacelerar em setembro. Até lá, eventos que reúnam grandes públicos não devem ser realizados.

O planejamento do Mossoró Cidade Junina já havia sido iniciado desde 2019, inclusive com o lançamento oficial do evento ainda no ano passado. O Município, assim como em 2019, também já havia antecipado o processo licitatório para contratação de empresas e serviços responsáveis pela logística da festa e de todos os seus projetos e subprojetos.

CALAMIDADE

E já circula no Palácio da Resistência a informação que nesta segunda-feira, 23 de março, a prefeita Rosalba Ciarlini deve assinar decreto declarando calamidade pública no município.

Com o estado de calamidade pública declarado, a gestão poderá remanejar recursos anteriormente destinados para eventos como o Mossoró Cidade Junina para outras áreas, em especial para a Saúde, investimento esse que buscará conter o avanço da propagação do coronavírus e auxiliar no tratamento de eventuais pacientes confirmados com a Covid-19.

Publicidade
Publicidade

Copyright © 2019 Gazeta do Oeste