Acesse nossas redes

Política

Jorge do Rosário está no páreo com projeto para Mossoró

Ele usa cautela ao confirmar postulação, mas confirma tendência de pré-candidatura

gazetaadm

Publicado

em

Por Gilberto de Sousa

Diferente dos deputados estaduais Allysson Bezerra(Solidariedade) e Isolda Dantas(PT), que confirmaram suas pré-candidaturas a prefeito de Mossoró muito mais dentro do atendimento a um ambiente de busca de poder partidário, o empresário Jorge do Rosário(PL) deve confirmar sua postulação em um perfil voltado a um projeto de gestão.

Em conversa com o portal Gazeta do Oeste, Jorge do Rosário manteve seu propósito de construir um projeto que contemple uma visão administrativa moderna e edificada à base da experiência como administrador bem sucedido, bem como com o suporte de um corpo técnico.

A propósito, esse projeto começou a ser formatado logo que o empresário decidiu enveredar pela política, ao aceitar ser companheiro de chapa do também empresário Tião Couto em 2016. O teste nas urnas que se seguiu em 2018 como candidato a deputado estadual, sem lograr êxito, funcionou igualmente como acúmulo de experiência na seara política.

Para 2020, Jorge do Rosário ressalta que tem conversado com setores de oposição, porém tem usado a cautela na colocação do seu nome como pré-candidato, visto que não se trata de um mero projeto pessoal, mas a partir de um sentimento coletivo.

Neste fim dês emana, ele terá encontro com o líder estadual do PL, deputado federal João Maia, quando serão traçadas estratégias que podem resultar na confirmação do seu nome como pré-candidato a prefeito.

Segundo Jorge do Rosário, há uma forte sintonia com o comando estadual do partido, que inclusive assegura não interferir em qualquer posição que seja tomada em relação às eleições do próximo ano em nível de Mossoró. “Estamos tratando desse assunto com cautela sobre a posição que iremos adotar”, frisou Jorge, sem esconder que há a forte tendência para que ele seja mesmo candidato.

Nesse sentido, manterá as conversas e as articulações de bastidores, seguindo a evolução natural dos entendimentos.

Copyright © 2019 Gazeta do Oeste